MUFFINS DE CHOCOLATE COM GOTAS DE CHOCOLATE

04:34


Estava parada aqui na frente do teclado sem saber muito bem o que escrever neste post. É chocolate. O que mais precisa? Então algumas coisas começaram a passar pela minha cabeça. Comecei a pensar em chocolates e no caminho que percorri até aqui. Acredito que será um texto pessoal, tentarei ser breve, mas pode pular e ir direto para a receita, se quiser.

Minha família é muito ligada a comida. Desde criança, meu avô me trazia todo tipo de comida para provar: uma caixinha de passas era um presente, a casca do palmito mais durinha virava um agrado que fazia meu dia, todas as frutas diferentes que ele conseguisse achar, provar uma língua de boi, com aquela textura totalmente diferente, aquele sabor incrível que minha avó tinha temperado como se não quisesse muita coisa... Todo sabor era uma descoberta, um prazer.

Meu avô era apaixonada por cozinha, minha avó cozinha maravilhosamente bem, meu tio fez gastronomia e herdou esse amor pela aventura da cozinha, já minha mãe... é a pessoa que eu conheço que mais tem prazer em comer. Nessa casa de sabores, com a cozinha cheia de donos, me sobraram os doces. Não consigo me lembrar de quando comecei, só sei que quanto mais difícil e desafiador mais meu interesse crescia. Acho que é o lado nerd que fala mais alto.

Lembro do desafio de fazer uma ganache, na época que creme de leite fresco era desconhecido, que só tínhamos poucos barras de chocolate no supermercado. Pensar em porcentagem de cacau aqui só podia ser 'frescura'. Uma hora conseguimos, Lorena já embarcava nas furadas comigo.

O tempo passou, vi as primeiras lojas com produtos de confeitaria abrirem na cidade, depois no bairro, e nada fala mais 'loja de brinquedos' para mim que essas lojas de confeitaria. Se perder vendo formas, utensílios e todo tipo de coisa é mágico. A primeira fava de baunilha que eu vi no supermercado tive que levar pra casa mesmo custando boa parte do dinheiro que eu tinha, sem nem saber o que eu iria fazer com ela.

Até que encontrei chocolate Callebaut. Apesar de na confeitaria os ingredientes não serem baratos, a felicidade pra quem cozinha é pouca coisa. Não, não é ingredientes caros, é ingredientes bons. Posso me entusiasmar com um queijo minas, bem feito, super baratinho, mas encontrar um chocolate sem adição de gordura hidrogenada do lado de casa é incrível.

Sempre, sempre compre chocolate de boa qualidade, que não seja fracionado e não possua adição de gordura hidrogenada. Isso faz muito mal a saúde. Gaste um pouco mais, mas previna diabetes, aumento de colesterol, triglicerídios e outros problemas de saúde.

P.S.: Tirar fotos de chocolate é muito difícil! Haha



Uma parte muito importante em aprender sobre comida e cozinhar foram os blogs. Desde o começo. Não me considero numa posição de quem já aprendeu tudo e quer repassar o conhecimento, pelo contrário. O pontapé foi um blog muito especial para mim, o Call Me Cupcake. Ver como a Linda evoluiu desde o primeiro post, uma das fotografas de comida mais incríveis que eu já vi, me incentivou a criar isso aqui com duas das pessoas mais especiais da minha vida, e aprender mais. E, lógico, passar pra frente um pouquinho daquilo que a gente aprendeu.

Ainda estamos tentando ver como isso aqui funciona, mas e vocês? Alguma sugestão pro blog? Já fizeram alguma receita? Estamos aqui para compartilhar!



M U F F I N S   D E   C H O C O L A T E   C O M   G O T A S   D E   C H O C O L A T E
Rend.: 20 muffins grandes

2 xícaras (300g) de farinha de trigo
3/4 de xícara + 1 1/2 colheres de sopa (80g) de cacau em pó
1 colher (sopa) de fermento em pó
1/2 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1/4 colher (chá) de sal
1 xícara + 2 colheres de sopa (250g) de açúcar cristal
100g de manteiga, derretida
1 xícara de buttermilk
2 ovos grandes
150g de chocolate amargo (54%), bem picado (ou gotinhas de chocolate amargo)

1.  Pré-aqueça o forno a 200°C. Prepare uma forma para muffins com 12 forminhas de papel (se você tiver duas e elas couberem no forno ao mesmo tempo, prepare as duas com as forminhas.
2.  Misture a farinha, o cacau em pó, fermento, bicarbonato e o sal em uma tigela. Reserve.
3.  Em uma tigela grande, misture o açúcar, a manteiga, o buttermilk e os ovos. Adicione os ingredientes secos aos molhados e misture só até combinar. Não misture de mais.
4.  Adicione o chocolate, mas guarde 1/4 dele para colocar por cima dos muffins. Encha as forminhas até 4/5 para que os muffins cresçam e fiquem com o topinho para fora da forminha. Divida o chocolate restante pelas forminhas, colocando algumas gotinhas em cima de cada um.
5.  Asse por 16-18 minutos ou até que ao fazer o teste do palito, este saia praticamente limpo.



You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Instagram

Subscribe